5% Tranexâmico + 30% de Peeling de Glicólico no Melasma

Olá meus Amigos! Estudo novinho pra nós.


🅾️ ATENÇÃO! As informações a seguir são exclusivas para Profissionais da área da saúde, caso você não seja, consulte um para te orientar. Jamais faça automedicação.


Pesquisadores da índia testaram o impacto da associação do ácido tranexâmico com um peeling de ácido glicólico 30% e pra isso eles aplicaram o peeling em 2 grupos de voluntárias com melasma, sendo que um grupo usou ácido tranexâmico + glicólico e outro grupo usou apenas o peeling. O estudo teve duração de 12 semanas.


A aplicação do peeling foi feita em intervalos de 2 semanas nos dois grupos e a aplicação do tranexâmico foi 2 vezes ao dia.


Em 12 semanas não foi notado pelos pesquisadores diferença entre os dois grupos.


Um ponto de atenção aqui, foi que a aplicação do ácido tranexêmico foi preparado em solução hidro alcoólica e, portanto, não foi usado nenhum aumentar de permeação cutânea. Estudo prévio já comprovou que sem agentes que auxiliam a permeação do ácido tranexâmico, ele não consegue alcançar a epiderme viável. É um erro muito comum de vários profissionais não se atentarem para esse ponto. Eu teria colocado o transcutol ou Pureskin (Dimethyl isosorbide).


O estudo está por 16 dólares pra alugar por 48 horas e tem fotos de antes e depois de alguns voluntários que participaram.


Abraços e tenham uma excelente quarta-feira!

Abraços

Lucas Portilho


#melasma #dermatologia #estetica #lucasportilho #peeling #


Sahu P, Dayal S, Bhardwaj N. Topical 5% Tranexamic acid with 30% Glycolic acid peel: An useful Combination for Accelerating the improvement in Melasma. Dermatol Ther. 2021 Aug 22. doi: 10.1111/dth.15107. Epub ahead of print. PMID: 34423510.





696 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • 1024px-Telegram_logo.svg
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram