© 2010 lucasportilho.com • Todos os direitos reservados.

revista de cosmetologia

Cálcio e Epiderme: mais uma razão para aplicar Fotoproterores

May 27, 2019

 

Os íons de cálcio (Ca2+) atuam como sinalizadores para modular inúmeras funções nos queratinócitos e por isso a distribuição desse mineral na pele tem um papel fundamental na manutenção cutânea. O cálcio fica concentrado nas camadas espinhosa e granulosa da epiderme, enquanto que na camada córnea está presente em pequenas concentrações.

O cálcio é fundamental para o processo de diferenciação dos queratinócitos, formação de uma barreira coes e regulação da permeabilidade cutânea. Novas evidências sugerem que tanto o Ca2+ liberado pelas células (intracelular) quanto aquele presente no meio extracelular tem papel importante na relação da diferenciação celular.

Equilíbrio entre Ca2+ intra e extracelular

A concentração de cálcio dentro e fora da célula dependem vários fatores. Está diretamente relacionado com o estado da epiderme. Quando ocorre algum dano na barreira da pele, a concentração de Ca2+ é reduzida rapidamente e reaparece após 6 horas juntamente com o processo de reparação tecidual. Proteínas conhecidas como claudina e ocludina (conhecidas com tight junctions) auxiliam na regulação da concentração de Ca2+ na pele, mantendo uma maior concentração desse mineral na camada granulosa e evitando a difusão para acamada córnea. A maior parte do Ca2+ concentrado na camada granulosa está dentro das células, armazenado no complexo de Golgi e retículo endoplasmático.

Figura 1. Localização de Ca2+ na epiderme

 

Cálcio e diferenciação celular

As células da camada basal da nossa epiderme tendem se proliferar e se diferenciam ao mesmo tempo que migram para a camada mais externa e liberam conteúdo que formará posteriormente a camada lipídica que fica entre os queratinócitos. O objetivo principal da diferenciação celular na epiderme é formar uma barreira semi-permeável com o intuito de proteção.  Vários marcadores biológicos atuam neste processo de diferenciação e o Ca2+ é um deles. Este íon regula a transcrição de vários genes que codificam proteínas relacionadas com diferenciação celular.  Involucrina, loricrina, filagrina e outras proteínas fundamentais para formação de barreira são dependentes de Ca2+.

A perda de cálcio está relacionada com doenças de pele como dermatite atópica e psoríase. Em função desse importante papel na migração e regulação dos queratinócitos, podemos considerar o cálcio com um fator importante para a reparação tecidual e cura de feridas.

 

Radiação UVB e Cálcio

O excesso de radiação ultravioleta B leva uma alteração no gradiente de cálcio na epiderme e consequentemente teremos um impacto negativo na diferenciação celular. Sem Ca2+ na camada granulosa a diferenciação fica comprometida e não somente a perda de água transepidermal pode aumentar, mas o influxo de alérgenos também é um fator que vai contribuir para o desenvolvimento de possíveis doenças de pele.

Sempre falo nas minhas aulas que o fotoprotetor é mais que um cosmético, ele é um remédio que previne doenças.

Espero ter contribuído um pouco para aumentar o conhecimento de todos.

Abraços!

Lucas Portilho

 

1.    Jiang SJ, Chu AW, Lu ZF, Pan MH, Che DF, Zhou XJ. Ultraviolet B-induced alterations of the skin barrier and epidermal calcium gradient. Exp Dermatol. 2007;16(12):985-92.
2.    Lee SE, Lee SH. Skin Barrier and Calcium. Ann Dermatol. 2018;30(3):265-75.
3.    Murata T, Honda T, Egawa G, Yamamoto Y, Ichijo R, Toyoshima F, et al. Transient elevation of cytoplasmic calcium ion concentration at a single cell level precedes morphological changes of epidermal keratinocytes during cornification. Sci Rep. 2018;8(1):6610.
4.    Rinnerthaler M, Streubel MK, Bischof J, Richter K. Skin aging, gene expression and calcium. Exp Gerontol. 2015;68:59-65.

 

 

 

 

 

Please reload

Posts Em Destaque

Um dos Conservantes Mais Bem Tolerados em Cosméticos

November 4, 2019

1/9
Please reload

Posts Recentes