© 2010 lucasportilho.com • Todos os direitos reservados.

revista de cosmetologia

Ceramidas e Cosmetologia

May 13, 2019

Já parou pra se perguntar o que de fato são as ceramidas? Adicionar uma matéria prima que possui o nome comercial “ceramida” significa que estou repondo as ceramidas naturais da pele?  Elas são todas iguais?

 

Pra ajudar a elucidar esses pontos seguem alguns pontos importantes para meus amigos formuladores terem mais conhecimento.

 

As ceramidas são importantes componentes estruturais da epiderme. Juntamente com os ácidos graxos e colesterol, tem papel fundamental de preencher os espaços entre os queratinócitos, regular a permeabilidade da pele e manter a integridade da pele.

 

 Figura 1. Estrutura básica de ceramida

 

Além de impedir a saída de água da pele, evitando assim a perda de água transepidermal, evitam a penetração de agentes poluentes e alérgenos.

Qualquer alteração no conteúdo lipídico pode levar a disfunções cutâneas como psoríase ou dermatite atópica. Nestes casos o uso de ceramidas em dermocosméticos pode ser uma alternativa. As ceramidas da nossa pele são compostas por um ácido graxo ligado a uma estrutura esfingóide através de um grupamento amida.

 

Figura 2. Meio intracelular composto por Ceramidas em cinza, Colesterol em amarelo e Ácidos Graxos Livres em rosa.

 

 

Figura 3. Importância das ceramidas para manter a integridade da epiderme evitando a perda de água transepidermal e evitando a penetração de alérgenos.   

 

 

 

 

 

Tipos de ceramidas na pele

 

Existem 18 classes de ceramidas e entre 300 e 1000 derivações. As classes são definidas de acordo com o número e posição do grupamento hidroxila (–OH) localizado na cabeça polar e o nível de insaturação da cauda apolar da molécula.

Os derivados das ceramidas são definidos de acordo com o comprimento da cadeia graxa. Três tipos de ácidos graxos são encontrados nas ceramidas e cinco tipos de estruturas esfingóides, gerando as combinações abaixo.

 

Tabela 1. Tipos de ceramidas encontradas na pele

 

Figura 4. Porcentagem de ceramidas encontradas na pele

 

Ceramidas para formulações cosméticas

 

Encontramos várias matérias primas com o INCI (International Nomenclature of Cosmetics Ingredients) “Ceramide” e que podem ser utilizadas em formulações cosméticas skin care ou hair care. Quando vamos desenvolver um produto que possui o claim “com ceramidas” depende muito do público alvo se vamos ou não entrar em termos mais técnicos. Fica claro que, se utilizarmos uma comunicação muito científica para um público leigo, podemos complicar a comunicação. Portanto, nestes casos é melhor simplificar e relacionar as ceramidas com hidratação. Mas no caso de linhas que são prescritas, vale a pena aprofundar um pouco mais e descrever as estruturas químicas e mecanismos.

 

Conheças as Ceramidas disponíveis no mercado

 

Ceramide IIIB

INCI Name: Ceramide NP

Fabricante: Evonik

Possui uma estrutura química similar à ceramida mais abundante na pele, a CER-NP (ver tabela 1).

Uso a partir de 0,05% em formulações capilares ou skin care.

Possui capacidade de restaurar o dano químico e UV induzido.

Deve ser aquecido juntamente com a faze oleosa a 90ºC.

Origem: Natural

 

Ceramide A2

INCI: Aqua (and) Glycerin (and) PEG-8 (and) PEG-8/SMDI Copolymer (and) Palmitoyl Myristyl Serinate (and) Sodium Polyacrylate

Fabricante: Sederma

É um análogo químico da Ceramida.

Por ser etoxilado, é solúvel em água e pode ser adicionado em formulações capilares.

Uso recomendado de 0,5% a 3%.

Melhora o volume, o brilho, a resistência e o vigor dos cabelos. Efeitos reestruturantes e de aumento da maciez. Papel de cimento. Fortalecimento dos cabelos.

Origem: Sintética

 

Ceramide VI

INCI Name: Ceramide AP

Fabricante: Evonik

Possui uma estrutura química similar à ceramida CER-AP (ver tabela 1).

Normaliza o processo de descamação natural da pele, reforça a barreira lipídica de peles ressecadas.

Indicado também para cabelos, restaurando as propriedades mecânicas dos fios.

Uso de 0,05% a 1% em formulações skin care e hair care.

Origem: Natural

 

Ceramide 2

INCI Name: Ceramide 2

Fabricante: Croda

Descrita como uma estrutura idêntica as ceramidas NS.

Pode ser utilizado na versão pó ou solução. 0,05% a 0,2% (pó puro) ou 2% a 10% (solução a 2%).

Promove reparação de função barreira e retenção de água na pele.

Origem: Sintética

 

Ceramide 2

INCI Name: Ceramide 2

Fabricante: Givaudan

Descrita como uma estrutura idêntica as ceramidas NS.

Regula a perda de água transepidermal, restaura a função barreira e protege e restaura a estrutura do cabelo.

Na versão em pó é recomendado 0,1-0,5%.

Na versão solúvel, a solução é conservada com Methylchloroisothiazolinone, Methylisothiazolinone, sendo necessário declarar esses conservantes na rotulagem, o que nem sempre é interessante por se tratar de conservantes com alto índice de irritação.

Origem: Sintética

 

iActive Ceramide

INCI: Ceramide EOP (and) Ceramide NS (and) Ceramide NP (and) Ceramide AS (and) Ceramide AP (and) Cholesterol (and) Hydrogenated Lecithin (and) Glyceryl Stearate (and) Sucrose Distearate (and) Propylene Glycol

Fabricante: Cosphatech LLC

Blend de vários tipos de ceramidas, o que dá um apelo de marketing maior comparado com os demais.

Uso de 0,5% a 1,5%, deve ser hidratado em água aquecida por 20 minutos.

Restaura função barreira, proporciona efeito de hidratação prolongada e perda de água transepidermal.

 

Ceramide TIC-001

INCI Name: Ceramide NG

Fabricante: Vantage

Apesar de destacar uma estrutura similar a da pele, não especifica qual das ceramidas é a semelhança.

Uso de 0,01 – 0,2%. Bem abaixo comparado com os concorrentes.

Segundo o fabricante a molécula é metabolizada por enzimas na pele promovendo rápido e eficiente melhora na função barreira.

Testado em pele de mulheres na menopausa, recupera função barreira e diminui a vermelhidão induzida.

 

Espero ter contribuído um pouco para o conhecimento de todos!

Abraços!

Lucas Portilho

 

Bibliografia

 

1. Moore TC, Hartkamp R, Iacovella CR, Bunge AL, McCabe C. Effect of Ceramide Tail Length on the Structure of Model Stratum Corneum Lipid Bilayers. Biophys J. 2018;114(1):113-25.

 

2. Badhe Y, Gupta R, Rai B. Structural and barrier properties of the skin ceramide lipid bilayer: a molecular dynamics simulation study. J Mol Model. 2019;25(5):140.

 

3. Kendall AC, Kiezel-Tsugunova M, Brownbridge LC, Harwood JL, Nicolaou A. Lipid functions in skin: Differential effects of n-3 polyunsaturated fatty acids on cutaneous ceramides, in a human skin organ culture model. Biochim Biophys Acta Biomembr. 2017;1859(9 Pt B):1679-89.

 

4. Meckfessel MH, Brandt S. The structure, function, and importance of ceramides in skin and their use as therapeutic agents in skin-care products. J Am Acad Dermatol. 2014;71(1):177-84.

 

 

 

 

 

 

 

Please reload

Posts Em Destaque

Um dos Conservantes Mais Bem Tolerados em Cosméticos

November 4, 2019

1/9
Please reload

Posts Recentes