Vitamina C e seu novo efeito antipoluição

Bom dia meus amigos!


Quando a gente pensava que não tinha mais como o ácido ascórbico ser melhor, encontro esse estudo sobre o uso dessa vitamina C ácida na prevenção dos danos causados por material particulado associado com a radiação UVA.

Primeiro é importante entender que materiais particulados são moléculas que estão presentes em ambientes poluídos que possuem capacidade de penetrar nas nossas peles e se ligar m receptores das células conhecidos como aril-hidrocarbonetos. Ao penetrar eles causam danos e desencadeiam processos inflamatórios. O que os pesquisadores que publicaram esse estudo mostraram é que a radiação UVA exacerba os efeitos danosos desses materiais particulados. O resultado é desastroso, porque já sabemos dos danos da radiação UVA na derme, como aumento de enzimas que degradam colágeno e elastina, aumento de inflamação e radicais livres. Junto com o material particulado, teremos mais dano ainda.

Felizmente os autores também mostram o potencial do ácido ascórbico na redução do impacto da UVA + material particulado e esse é o principal destaque desse estudo.

Portanto, aos fãs da vitamina C, como eu, tem mais um motivo para indicar esse ativo em produtos anti-idade.


Abraços e excelente final de semana a todos!

Lucas Portilho


#vitaminac #acidoascorbico #dermatologia #lucasportilho #estetica #pele


Kim S, Kim J, Lee YI, Jang S, Song SY, Lee WJ, Lee JH. Particulate matter-induced atmospheric skin aging is aggravated by UVA and inhibited by a topical L-ascorbic acid compound. Photodermatol Photoimmunol Photomed. 2021 Aug 19. doi: 10.1111/phpp.12725. Epub ahead of print. PMID: 34411336.




539 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • 1024px-Telegram_logo.svg
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram